Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘lucro’

A empresa deverá buscar o equilíbrio entre o preço de mercado e o valor calculado em função dos seus custos e despesas.

O preço de venda para a empresa é o valor que cobre o custo direto da mercadoria/produto/serviço, somadas as despesas variáveis e fixas proporcionais. Além disso, deve gerar um lucro líquido.

Caso o preço de venda do mercado seja inferior ao seu preço de venda, a empresa precisa procurar diminuir os seus custos diretos, e/ou as suas despesas fixas ou aceitar um lucro líquido menor.

Anúncios

Read Full Post »

Por Reinaldo Miguel Messias

Dia desses, enquanto eu caminhava por um centro comercial, a vitrine de uma loja de roupas masculinas chamou minha atenção. Apesar de não referenciar nenhuma data comemorativa, tinha forte apelo visual, denotando, com poucos produtos expostos, entretanto muito bem escolhidos, a proposta comercial da loja. Cores, formas, disponibilização e adereços valorizavam os produtos expostos e, como os preços estavam discretamente expostos de maneira organizada ao lado dos produtos, despertou meu impulso de compra.

 

Ao entrar, mais uma grata surpresa! O ambiente era adequadamente iluminado e, expositores e araras haviam sido propositalmente bem dispostos, intuindo um caminho imaginário para percorrer a loja. Fácil, sem nada obstruindo a passagem.

 

 

(mais…)

Read Full Post »

 

Em qualquer novo negócio a ser aberto, uma das primeiras questões que o futuro empresário deve se responder é: meu negócio gera valor ?

  

Caso ele não saiba exatamente o que quer dizer isso, ele pode buscar o auxilio vários autores de marketing que conceituam esta palavra, mas para ser mais ilustrativo, basta que ele pense no seu cabeleireiro !

 

Pode se dizer, com 99% de chance de acerto, que todo mundo (fora os carecas) corta o seu cabelo em algum lugar. Ou seja, não há cliente esperando que um salão de beleza seja aberto para cortar seu cabelo ! Assim são a maioria dos setores. De certa forma, a demanda já está quase totalmente atendida. Mas como um novo salão de beleza poderá sobreviver num mercado no qual estão todos atendidos ? Gerando valor !

 

Valor pode ser explicado através de uma conta simples: benefícios / custos.

 

Pode-se enxergar benefício como por exemplo um salão que corte cabelo durante a madrugada ou durante o domingo, ou um salão que ofereça acesso a internet durante o período de espera do cliente, ou até mesmo o salão que encaminhe profissionais até a casa ou escritório do cliente para fazer o seu corte de cabelo.

 

Quando falamos de custos, temos no mínimo 4: o custo financeiro, o custo de esforço de ter de ir a um salão mais longe, o custo do tempo de espera para ser atendido ou da duração do corte de cabelo e o custo do risco, por exemplo, quando nos arriscamos a cortar o cabelo com um profissional pela primeira vez.

 

Para ver como esse assunto é sério, pense desde quando você não troca de cabeleireiro, porque continua com ele e o que te faria mudar de salão. Se para mudar a sua decisão de consumo já não foi tarefa fácil, imagine mudar a decisão de compra de 100, 200, 500 pessoas. Pense nisso.

 

Enfim, espero essas dicas tenham MUITO VALOR para você !

 

Grande Abraço.

 

Leandro Krug Libano Batista

Consultor Sebrae PR

Especialista em Marketing  e Mestrando em Adm. Estratégica

Read Full Post »